Quarta-feira, 11 de Novembro de 2009

O teatro está montado

 

Há já algum tempo que não falo aqui sobre as Honduras e a ditadura que desgoverna aquele país, mas tenho seguido de perto a farsa que ali está montada, com a entrada em "cena" do senador republicano Jim DeMint.

DeMint, um Republicano e fervoroso apoiante do golpe de estado nas Honduras congeminou um plano para resolver de vez a situação nas Honduras. Depois de ter retido a nomeação de Arturo Valenzuela para o cargo de assistente na Secretaria de Estado para os Assuntos do Hemisfério Oriental, só a libertou após ter obtido o acordo da administração Obama para o seu plano.

Em que consiste então o plano DeMint para o qual já tem a garantia de Hillary Clinton e do seu assistente Tom Shannon? Os Estados Unidos reconhecerão as eleições, sob estado de sítio, que decorrerão dia 29 deste este mês nas Honduras, quer esteja ou não reposto Manuel Zelaya.

Não é por acaso que depois de ter firmado um acordo com Zelaya, Roberto Micheletti, o presidente golpista, deu o dito por não dito, a conselho de Tom Shannon e afirmou: "Decidimos não continuar este teatro" e mandou às urtigas um suposto governo de unidade nacional conforme acordo celebrado em Tegucigalpa.

Claro que o teatro é outro, o autor da peça é Jim DeMint e o contra-regra o governo de Washington.

Ao dar instruções aos seus negociadores para assinar o acordo de Tegucigalpa, Zelaya colocou o seu destino nas mãos da administração de Obama, não se dando conta de que por ali, principalmente em assuntos da América Latina, nunca é aconselhável fiarmo-nos. 

Foi tão anjinho que, segundo os termos do acordo, apelou ao povo hondurenho a participar pacificamente nas eleições gerais, onde muitos dos seus apoiantes ficaram impedidos de se candidatar, incitando-os a evitar qualquer tipo de demonstrações que se oponham às eleições e seus resultados, ou promover a insurreição, conduta anti-jurídica, desobediência civil ou outros actos que possam conduzir a confrontações violentas ou transgressão da lei.

O resultado está à vista, o contra-regra empurrou o assunto para a sessão extraordinária do Congresso hondurenho, que deverá votar ou não a restituição de Zelaya, que não se sabe quando reunirá, mas também pouco importa.

Se for antes das eleições de 29 deste mês, está "acertado", pelos autores desta peça teatral que Zelaya perderá e de imediato Micheletti se demitirá para ceder lugar a um dos seus homens de confiança.

Se a votação for depois das eleições aí até é provável que o Congresso vote sim, uma forma de dar legitimidade ao presidente votado nas urnas umas horas antes... Para percebermos bem é preciso sabermos que o Congresso apoiou o golpe de estado, isto para quem nesta matéria ande um pouco esquecido ou distraído...

Depois disso Washington encarregar-se-á de "pressionar", como só eles sabem fazer, o resto do mundo a reconhecer toda esta farsa. Brilhante não é?

Depois admiram-se de os países livres da América Latina terem tanto medo desta gente e das bases militares que lhe colocam mesmo à porta e por ver o destino de um povo servir como moeda de troca entre interesses mesquinhos na ocupação de cargos políticos.

publicado por salvoconduto às 01:06
link do post | comentar | favorito
4 comentários:
De maria a 11 de Novembro de 2009 às 11:55
Para quem anda distraído ou acha (ou achava) (ou acha ainda) que o Obama é o Homem que vai trazer a paz ao mundo...

Abreijos
De Lúcia a 11 de Novembro de 2009 às 15:15
As ingerências externas têm sido a causa histórica da muits desgraças, quem em África, quem na A. Latina.
'Viver e não aprender nada é cá connosco', diria o meu amigo Calvin ao seu inseparável Hobbes!
Beijinhos, Salvo.
De cbo a 12 de Novembro de 2009 às 00:19
Revoltante!
De Samuel a 12 de Novembro de 2009 às 01:34
É a grande mudança!!!

Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 10 seguidores

.pesquisar

.Março 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Cá se fazem cá se pagam

. Eles aí estão

. Está o caldo entornado...

. O gesto é tudo

. E a Ucrânia ali tão perto...

. De capa e batina

. Subscrevo

. Gorduras do estado

. Curtas

. Podias andar de Clio? Pod...

.arquivos

. Março 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.subscrever feeds