Domingo, 17 de Julho de 2011

72 anos depois descansam em paz

 

 

Foram setenta e dois anos debaixo de uns palmos de terra numa vala comum depois de terem sido assassinados cruelmente pelos esbirros de Franco. Pensaram que perder a guerra tinha sido a pior coisa que lhes acontecera, mas ao regressar derrotados a suas casas em 03 de Abril de 1939, 16 homens Menasalbas (Toledo) foram surpreendidos por morado-res da sua aldeia que durante a guerra se haviam tornado falangistas e foram assassinados junto à parede do cemitério e enterrados num terreno próximo.

 

O Fórum para a Memória exumou os corpos em Julho do ano passado e agora entregou-os às famílias, em pequenas caixas cobertas com enormes ramos de flores com as cores da bandeira republicana.


O mais jovem dos assassinados, Benigno Sanchez Gomez, tinha apenas 14 anos. Não tinha lutado na frente, mas os falangistas quiseram que morresse naquele dia com o seu irmão, Bernardino, um mineiro que tinha saído de casa para defender a República.

 

A sua filha, Salud, tem agora 74 anos e lamenta não se lembrar. "Eu tinha apenas dois anos quando o mataram. Não cheguei a conhecer o meu pai, mas estou muito orgulhosa e muito feliz por já não se encontrar por aí enterrado e incógnito. A minha mãe teria gostado de ver isto. Sofreu muito. A pobre morreu com a boca cerrada pelo medo."


As 16 famílias percorreram o povoado carregando os pequenos caixões em que o Fórum para a Memória tinha colocado os restos mortais. Às portas do cemitério atravessaram um corredor de aplausos e bandeiras republicanas. As 16 caixas foram enterradas sob uma lápide, agora sim, com seus nomes. Perto, na parede onde tinham sido assassinados, ainda podia se podia ler o que gente daquele povoado tinha escrito quando se procedia à exumação no ano passado: "Não acabarão connosco. Viva Franco, sempre nos nossos corações ", juntamente com o símbolo da Falange.


Os antropólogos que ajudaram na exumação dão conta que os 16 esqueletos tinham buracos de bala no crânio e alguns foram torturados antes de serem mortos, como inequivocamente mostram as suas costelas e mandíbulas quebradas.

 

Não é de estranhar a recusa da nova presidente de Castilla-La Mancha, Dolores Cospedal do PP que tinha sido convidada para a cerimónia.


O presidente do Fórum para a Memória, José Maria Pedreño, leu uma "carta aos camaradas assassinados", na qual dizia: "Até há pouco tempo éreis um amontoado de ossos esquecidos debaixo de um palmo de terra ao pé da parede onde vos assassinaram. Hoje, apesar das dificuldades e dos obstáculos conseguimos que vos honrem como fostes em vida: como heróis."

 

E depois venham falar-me em leis de amnistia e coisa semelhantes. Não são poucos os que ainda continuam enterrados em valas comuns já encontradas ou por encontrar, não são poucos os que continuam a impedir que se apure a verdade e que as famílias encontrem os restos mortais dos seus familiares para encerrar a dor.

 

Fonte: El País

publicado por salvoconduto às 08:57
link do post | comentar | favorito
4 comentários:
De ha dias assim a 17 de Julho de 2011 às 11:01
Infelizmente os que desaparecem às mãos dos ditadores e enterrados sem dignidade são ainda imensos.
De maria a 17 de Julho de 2011 às 13:14
Da terra onde se encontram agora surgirão cravos, um dia!

Abreijo.
De Samuel a 18 de Julho de 2011 às 13:56
Felizmente... vai-se avançando.

Abraço.
De Anamar a 19 de Julho de 2011 às 00:29
Para que a memória não se perca...

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

.Março 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Cá se fazem cá se pagam

. Eles aí estão

. Está o caldo entornado...

. O gesto é tudo

. E a Ucrânia ali tão perto...

. De capa e batina

. Subscrevo

. Gorduras do estado

. Curtas

. Podias andar de Clio? Pod...

.arquivos

. Março 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.subscrever feeds