Sexta-feira, 21 de Outubro de 2011

Inquisidora-mor

 

 

A ligeireza ganhou-a nos tempos de maoísta, a inteligência acusa a erosão dos anos, já não dá para mais, embora à nascença já fosse pouca. Com o mesmo megafone, a que se esqueceu de renovar as pilhas, adapta as palavras de ordem de então, acampa diariamente no "Blasfémias", repete a arenga liberal desta feita centrada nos funcionários públicos, vai servindo copos cheios de fel entre a populaça.

 

Helena Matos, o nome da criatura, lembrando as ratas de igreja em período de oração, repete vezes sem conta as mesmas rezas, pelo meio vai lançando pragas, esconjuros e benzedelas.


Exulta com os cortes decretados pelo governo, levanta a cruz e aponta-a a Cavaco para quem recomenda a fogueira pela heresia proferida sobre a equidade fiscal.

 

A mesma cruz aponta a Pacheco Pereira que cometeu igual pecado por afirmar que "um funcionário público que ganha 1000 euros ilíquidos é tão “rico” ou tão “pobre” como um trabalhador do sector privado com o mesmo salário. Isto no passado, porque hoje já é mais “pobre” e discriminado."

 

Metodicamente a inquisidora-mor vai gritando os nomes à populaça, os nomes daqueles que devem ser lançados à fogueira exultando-a amarrar desde já os hereges no pelourinho que expressamente mandou construir.

 

Da acampada no "Blasfémias" saltita diariamente para o jornal Público onde lhe pagam para continuar a pregação, a perseguição aos infiéis e a propagação da doutrina liberal. Carrega nas cores, pretos e ciganos são os primeiros da sua longa lista. Só os puros como ela merecem a redenção. Negaram-lhe há muito um lugar à mesa do Estado, ressabiada jurou que se iria vingar. Deixa escapar de vez em quando uma interjeição de ressentimento por os seus pares ainda não lhe terem reconhecido o abnegado trabalho, toda ela é fel por dentro. Corre-lhe vinagre nas veias, não dá conta que mirra a cada dia que passa agarrada à cruz e ao megafone.


Alguém tem para aí umas pilhas que lhe ceda? Não sejam mauzinhos das gastas não, embora por certo não daria conta.

 

publicado por salvoconduto às 00:01
link do post | comentar | favorito
3 comentários:
De CBO a 21 de Outubro de 2011 às 01:20
Os (as) maoístas normalmente chegam a uma etapa da vida em que passam a pautar-se pelo reaccionarismo mais primário e pindérico.
Mas hoje, HM não está sozinha. Viu o que Ana Gomes escreveu sobre Kadhaffi? Claro que amanhã vai levar uma pedrada lá no CR
De lino a 21 de Outubro de 2011 às 20:14
Tens um bom estômago para leres essa parasita. Desde que lançou cá um arremedo de uma revista americana ultra-conservadora (a Atlântica), que abortou logo, recuso -me a lê-la.
Abraço
De Pata Negra a 22 de Outubro de 2011 às 01:07
Bem caracterizada, a besta!
Um abraço sem a ler

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

.Março 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Cá se fazem cá se pagam

. Eles aí estão

. Está o caldo entornado...

. O gesto é tudo

. E a Ucrânia ali tão perto...

. De capa e batina

. Subscrevo

. Gorduras do estado

. Curtas

. Podias andar de Clio? Pod...

.arquivos

. Março 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.subscrever feeds