Segunda-feira, 29 de Setembro de 2008

Acalme-se se não ainda vai preso

Muitos passageiros não o sabem, mas num aeroporto não identificado do Estado de Maryland, nos Estados-Unidos, o Departamento de Segurança Interior está a observá-los através de um detector de ansiedade, na busca de terroristas.

Trata-se de uma experiência com a chamada tecnologia de exploração de atribuição futura, um sistema que funciona como um polígrafo, detecta flutuações na temperatura corporal, o pulso e a frequência de respiração para revelar os níveis de ansiedade do indivíduo e prever se está a ponto de cometer um acto criminoso, como, por exemplo, um atentado terrorista.

Este tipo de vigilância física e emocional poderá vir a instalar-se em aeroportos, edifícios públicos ou zonas de alta segurança.

O governo dos Estados-Unidos experimentou o sistema durante dois anos e mantê-lo-á em testes durante outros três.

Funciona através de um sistema de câmaras instaladas nos postos de segurança do aeroporto. Uma delas, termostática, mede a temperatura da pele. Uma segunda, de  movimento, mede as pequenas expressões faciais que podem revelar variações na frequência respiratória.

Os peritos têm posto em dúvida a correlação traçada entre sofrer ansiedade e estar a ponto de cometer um atentado terrorista. Há muitas fontes de nervosismo num aeroporto, como temer chegar tarde à porta de embarque. Há muitos factores que determinam a frequência cardíaca, para lá  da intenção de empreender uma conduta agressiva, como o explica o psicólogo da Universidade Estatal do Michigan Timothy Levine.

Os cientistas que desenvolveram o programa estão a conduzir um teste com 140 cidadãos de Washington que se submetem a provas voluntárias para se detectar os seus níveis de ansiedade com as variáveis da elevação da temperatura corporal e a frequência cardíaca.

Estas pessoas foram treinadas para mentir e tratar de enganar os vigilantes que participam no simulacro. Com os resultados está-se a criar uma base de dados de reacções irreflexivas que se utiliza, por enquanto, para caçar terroristas.

Já sabe, tem que se habituar a controlar-se. Se andar ansioso é melhor não viajar ou frequentar edifícios governamentais.

Já estou a imaginar a cena, dirigir-me a qualquer repartição pública para reclamar e acabar "engavetado".

À cautela é melhor andar com um xanax no bolso...

publicado por salvoconduto às 00:01
link do post | comentar | favorito
14 comentários:
De Ana Camarra a 29 de Setembro de 2008 às 00:13
Realmente não lembra a ninguem!
Olha eu que estou sempre a dar á perna, com este ar moura tisnada, não durava 5 segundos sem ser engavetada...

beijos
De Suzette a 29 de Setembro de 2008 às 00:37
O mundo está a transformar-se num delírio securitário!
De Hertz a 29 de Setembro de 2008 às 01:07
a coisa tá preta para os irrequietos
De maria a 29 de Setembro de 2008 às 01:18
Esta coisa do "big brother is watching you" pegou mesmo moda...
... um xanax, ou uma garrafita de... qualquer coisa bebível....
:))))
De Pedro Oliveira a 29 de Setembro de 2008 às 09:52
tenho de deixar de roer as unhas, phonix!
De Ferreira-Pinto a 29 de Setembro de 2008 às 10:42
E eu que não consegui perder o mau hábito de roer as unhas!
Safa ...
De rff a 29 de Setembro de 2008 às 17:34
Não acredito que isso se torne viável. Os erros de julgamento serão tantos e de fontes tão variadas....
De Caim a 29 de Setembro de 2008 às 20:18
Vigiar e Punir, eis o imperativo destes tempos pós-modernos. O choque psicológico e a vigilância extremada são os meios mais eficazes de manter a massa alienada. Muito bom post!
De cristal a 29 de Setembro de 2008 às 20:51
Fantástico este post porque alerta para um tema que deve passar a ser debatido e não apenas timidamente aflorado aqui ou ali. As medidas de vigilância e controlo que vão sendo consentidas em nome da segurança e que são na sua maior parte abusivas e de duvidosa para não dizer nula eficácia a assegurar seja o que for. Parece que o que está em causa é o controlo de todos os passos (e respirações e suspiros e sabe-se lá que mais) dos cidadãos comuns. Como alguém comentou antes de mim penso que estamos perante tentativas sérias de instaurar um sistema "big brother" que controle tudo e todos...
De Pata Negra a 29 de Setembro de 2008 às 21:44
E que tal se examinassem o horóscopo de cada um: dava para ver se tinha a morte próxima!

Um abraço de quem não acredita na américa

Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 10 seguidores

.pesquisar

.Março 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Cá se fazem cá se pagam

. Eles aí estão

. Está o caldo entornado...

. O gesto é tudo

. E a Ucrânia ali tão perto...

. De capa e batina

. Subscrevo

. Gorduras do estado

. Curtas

. Podias andar de Clio? Pod...

.arquivos

. Março 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.subscrever feeds