Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Salvo-conduto

A erva daninha cresce todos os dias

A erva daninha cresce todos os dias

Salvo-conduto

11
Fev10

Atolado até ao pescoço

salvoconduto

 

 

Não há dia que não traga novos desenvolvimentos sobre esse personagem que guiou os destinos da Inglaterra durante dez anos, co-responsável por centenas de milhares de mortes e que continua a salvo de acertar as contas com a justiça. Não há tribunal penal europeu que lhe ponha as mãos.

Desta feita é a clarificação, preto no branco, da cumplicidade do seu governo com as torturas da CIA.

Um tribunal de apelação confirmou ontem que o governo de sua majestade estava obrigado a desclassificar sete parágrafos de um relatório dos serviços secretos que põem a nu essa cumplicidade.

Em causa estão as torturas que foram infligidas a Binyam Mohamed, nascido na Etiópia e que em 1994 pediu asilo político a Londres pela participação da sua família na oposição ao governo etíope. No ano 2000 recebeu autorização para uma prorrogação de quatro anos na sua estadia no Reino Unido.

Em 2002, foi detido no Paquistão e entregue à CIA, que em colaboração com Londres o acusou de lutar ao lado dos talibãs e colaborar com a al Qaeda. Depois de vários anos em Guantánamo, foi posto em liberdade isento de qualquer acusação.

O Foreign Office recusou-se a pôr em marcha uma comissão de investi-gação sobre o seu caso.

Durante mais de um ano o Foreign Office esteve mais interessado em limpar a sua imagem do que em denunciar a tortura, mas aquele relatório vem agora demonstrar a cumplicidade de Blair e do Reino Unido com a parte mais vergonhosa da guerra contra o terror.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D