Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Salvo-conduto

A erva daninha cresce todos os dias

A erva daninha cresce todos os dias

Salvo-conduto

26
Out11

A perua ataca de novo

salvoconduto

 

 
 

Pobre deve ser espezinhado, segregado e atirado para o gueto, longe das pessoas de bem. Pobre é um falhado e como tal deve ser tratado. Pobre só é pobre porque quer viver à custa do rendimento mínimo esvaziando os cofres do Estado.


Ela aí está de novo a inquisidora-mor que escreve no Público e no Blasfémias. Insurge-se desta feita por uma câmara municipal ter levado a acabo uma iniciativa que de modo gratuito para a edilidade e para as pessoas a que se destina tenta promover a elevação da auto-estima das pessoas carenciadas do concelho através de um protocolo celebrado entre a Câmara e um salão de cabeleireiro, que assegura serviços gratui-tos de coloração, corte, «brushing» e «manicure».


Os beneficiários são seleccionados de entre os munícipes em acompanha-mento pelos serviços de Acção Social do Município, em estreita articula-ção com as entidades que desenvolvem trabalho de âmbito social. O cabeleireiro promove mensalmente a realização de uma coloração, dois cortes, dois 'brushing' e dois tratamentos de 'manicure'.


Helena Matos cumpre o seu papel, não aceita nem perdoa que 7 pessoas em situação de miséria tenham alguns minutos de ilusão. Sabendo de antemão, porque faz o link da notícia, que a iniciativa é gratuita, mete-a no mesmo saco de outras que esvaziam os cofres da edilidade, serve o fel à legião de seguidores. Não tolera que por momento algum sete desgraçados esqueçam a sua condição de pobres.


Alguém esclareça Helena Matos que esses pobres vão continuar a ser pobres, a viver no gueto onde ela e os seus pares faz questão de os manter. Que não se preocupe a senhora porque continuará a ter pobres, pretos, ciganos e imigrantes a quem odiar e segregar.

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D