Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Salvo-conduto

A erva daninha cresce todos os dias

A erva daninha cresce todos os dias

Salvo-conduto

07
Dez11

Falta de chá em tempo de ayatollahs

salvoconduto

 

 

 

Não há dúvida que esta gente está a tomar-lhe gosto. Depois de António Saraiva ter dito a Carvalho da Silva em jeito de provocação que a Terra é redonda, de Carlos Costa, governador do Banco de Portugal, ter chamado João Galamba de ignorante e o mandar bater com a cabeça na parede é agora a vez do ayatollah Ângelo Correia seguir na mesma esteira e num frente a frente com Luís Fazenda virar-se para Mário Crespo e determinar que o que Fazenda diz é irrelevante, de tal forma que Crespo não conteve o riso, como riu a figurinha, riu com prazer, por momentos cheguei mesmo a pensar que o Muttley também estava no estúdio.

 

Não foi só aqui que Crespo e Ângelo riram com vontade, voltaram a fazê-lo quando Ângelo Correia atirou a Luís Fazenda que “o património de luxo já é mais taxado do que o resto em Portugal”. Nem mais, que o digam os desgraçados que têm que pagar a electricidade com 23% de IVA exactamente a mesma taxa que um Ferrari ou um iate. Como ele sorria alarvemente.

 

A outra em Itália ainda representou chorando estes nem se dão a esse trabalho, são mais genuínos, ou mais descarados.

 

Mais à frente deixou escapar que "a esquerda fez-se para dizer o que o que tem a dizer". Se assim é Sr. Eng.º eu que me considero de esquerda daqui o mando para a pata que o pôs e lhe recomendo chá de corno de boi e depois venha cá dizer-me se o que digo é irrelevante, mata-lhe as lombrigas e limpa-lhe o cérebro num instante.

 

Não lhes respondam à letra não e depois admirem-se que eles se riam...

 

"Chá" para cima deles, se não tomaram em pequeninos ainda vão muito a tempo de tomar.

 

Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D