Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Salvo-conduto

A erva daninha cresce todos os dias

A erva daninha cresce todos os dias

Salvo-conduto

05
Jan12

País de mansos ou de poetas?

salvoconduto

 

 

 

“as elites têm que ser responsáveis e uma das principais ameaças ao desenvolvimento é faltarem políticos, empresários, intelectuais, académi-cos e sindicalistas independentes, capazes de poderem exercer por inteiro a sua responsabilidade”.

Alexandre Soares dos Santos

 

Não tinha intenção de gastar uma única letra com o assunto que envolve o patrão da Jerónimo Martins mas garanto-vos que está a ser uma delícia ler por estas horas os blogues de direita. Desdobram-se em argumentos para justificar a decisão de Alexandre Soares dos Santos de transferir as acções da Jerónimo Martins para uma sociedade com sede na Holanda.

 

Das mais parvas como a de que também há quem abasteça de gasolina em Badajoz até às mais "elaboradas e profundas" como esta: "o país desistiu Alexandre Soares dos Santos", mais nada, quem assim fala é senhor de muito saber, nem sequer por um momento lhe passou pela cabeça se terá, isso sim, Alexandre Soares dos Santos desistido do país à semelhança dos seus pares que como ele há muito acautelaram os seus proventos fora de portas

 

Miguel de Vasconcelos, contrariamente ao que se diz, sobreviveu no armário, onde estava escondido em perfeito deboche com uma das donzelas da corte, quem foi pela janela fora foi o desgraçado do amanu-ense. Não só sobreviveu como a sua prole cresceu, se multiplicou e chegou até aos nossos dias pujante, de tal forma que quando as revoluções acontecem nunca têm necessidade de se esconder num qualquer armário, ocupam os lugares da administração e da justiça que lhes garante o sossego em ocasiões conturbadas.

 

Apetece-me perguntar a esse senhor de muito saber porque não há-de o governo desistir de mim e me deixar colocar a minha pensão de reforma livre de impostos num país à minha escolha, eu depois lá me desenrascava. Algo me diz que esse senhor de muito saber me vai dizer que isso não pode ser, que a lei não o permite, ora aí é que está o cerne da questão, a lei não devia permitir nem a mim nem a Alexandre Soares Santos, somos ambos portugueses, julgo eu... porque o que está mesmo em questão é a forma como os capitais fogem desalmadamente daqui para fora com a conivência da prole de Miguel de Vasconcelos instalada no poder e com o aplauso da comunicação social, também ela igualmente conivente, como o são de resto os blogers que me vêm com essa cumbersa de Badajoz e de uma suposta "desistência", logo eles que há muito desistiram da honestidade.

 

Deixássemos nós de ser um país de "mansos" e Alexandre Soares estaria a esta hora a empacotar os restantes trastes para os colocar onde melhor o desejasse e não me venham perguntar onde é que eu faço as compras uma vez mais, eu lá me desenrasco, não se preocupem comigo já que não estão preocupados com o país.

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D