Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Salvo-conduto

A erva daninha cresce todos os dias

A erva daninha cresce todos os dias

Salvo-conduto

13
Jan12

É anjinha é, mas tem asinhas pretas

salvoconduto

 

 

É claro como a água que esta gente é escolhida pela convicção e firmeza com que fazem determinadas afirmações. "Não paga a renda? Rua!" No minuto seguinte. Assim se expressa Helena Garrido. Já quando toca a um empresário levar meses a fio sem pagar os salários tudo isso é compreen-sível e os trabalhadores que exigem o que é seu para alimentar as bocas que têm lá em casa e também para pagar a renda de casa ao senhorio, que na opinião da Leninha não pode atrasar-se um dia que seja, são uns insuportáveis oportunistas que vivem à custa do dinheiro investido.

 

Nesta matéria o Jornal de Negócios está bem servido, no fundo no fundo é de "negócios" que eles por ali tratam, o lugar como comentadores nos canais televisivos garante uns dinheirinhos extra, só é preciso seguir a música a compasso e estar atento à batuta do "maestro".

 

Quer lá saber Helena Garrido do drama de um qualquer inquilino que nem tem dinheiro nesse mês para comer porque o patrão não lhe pagou o ordenado. Rua! Sem apelo nem agravo. Já o patrão deve ter tido um motivo muito forte para se atrasar.

 

Controlam todas as empresas públicas, tribunais, os três órgãos do poder, presidência, governo, parlamento e têm gente desta a cobrir-lhe os flancos na comunicação social, foi assim que o outro governou durante quarenta e oito anos, gente como esta ajudou-o e muito...

 

Helena Garrido tem uma dimensão moral à escala da sua dimensão física, toda a compreensão para Alexandre Soares Santos da Jerónimo Martins, mínima para quem sofre as agruras desta crise. Diz a senhora que a economia como tudo reage a estímulos, será mais ou menos isso que me leva a reagir aos comentários da senhora que até se diz aparentada com o Bloco de Esquerda, o que seria se o não fosse...

 

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D