Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Salvo-conduto

A erva daninha cresce todos os dias

A erva daninha cresce todos os dias

Salvo-conduto

14
Nov08

Só é caipirinha se for feita assim

salvoconduto

O Governo brasileiro fixou em lei a receita da popular caipirinha, que terão que seguir de forma obrigatória todos os barmen.

"A caipirinha bebida típica de Brasil, com graduação alcoólica de 15 a 36 por cento em volume, a vinte graus celsius, elaborada com cachaça, lima e açúcar, podendo adicionar-se água para adequar a gradação alcoólica", assim reza o texto publicado no Diário Oficial do Brasil. Este regulamento normativo, de aplicação imediata em todo o território brasileiro, pretende estabelecer os "padrões de identidade e qualidade" aos que deverá obedecer tanto a caipirinha comercializada no Brasil, como a fabricada para exportação.

Quanto a ingredientes, a lei é parcialmente flexível com o açúcar, permite que se apresente em cristal ou refinado, e tolera a sua substituição total ou parcial por glucose, mas nunca por edulcorantes sintéticos ou naturais.

Em relação à cachaça, estabelece-se que deve respeitar a suas características e padrões de qualidade e identidade. A lima pode adicionar-se na sua forma desidratada. O sumo de lima deve estar presente no combinado na proporção mínima de um por cento, com pelo menos cinco por cento de acidez. A água é considerada um ingrediente opcional e o seu uso está restringido "exclusivamente" para adequar a graduação alcoólica á margem permitida de entre 15 e 36 graus. O texto, no entanto, não precisa se se pode utilizar gelo, como fazem todos os meus amigos brasileiros, para esfriar a mistura ou aquelas caipirinhas que bebemos em alguns bares cá da nossa praça...

Também se tornou proibido o uso de qualquer ingrediente que possa alterar as "características sensoriais naturais" do produto final, como é o caso dos corantes. A norma também vetou a apresentação da bebida em recipientes de uso farmacêutico, como conta-gotas, ampolas e seringas, querem lá ver que há quem a meta para a veia! Até exfoliante de caipirinha eu já vi!

Já sabem, quando me convidarem para uma caipirinha, tem que ser desta maneira, se não chamo a ASAE! Deixem lá a treta da caipirinha de uva verde, de tangerina, a caipirinha com picolé ou até a caipirina com lima do Irão! Palpita-me que haverá quem não concorde, a ver vamos quando for a vossa casa... a menos que me convençam com uma receita diferente e desde que me sirvam a seguir uma feijoada, vatapá ou muqueca e sou capaz de condescender com um bom churrasco, valeu?

14 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D