Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Salvo-conduto

A erva daninha cresce todos os dias

A erva daninha cresce todos os dias

Salvo-conduto

03
Fev09

Depois dos bancos as escolas

salvoconduto

O governo de sua majestade vai nacionalizar escolas privadas apanhadas pela recessão económica, assim o confirmou o secretário de Estado da Educação, Jim Knight.

A nacionalização produzir-se-á mediante um programa que contempla a conversão dos centros afectados em academias financiadas pelo Estado, disse Knight em declarações ao jornal The Guardian.

Muitas famílias afectadas pela crise, não dispõem mais de condições de vida para suportar os custos daquelas instituições privadas e são forçados a retirar os filhos desses centros.

As escolas privadas que se acolham ao programa governamental deverão abandonar as provas de acesso e as taxas de matrícula, entre outras condições. Tal é a situação, que não terão alternativa senão aceitar as condições do governo dizem os representantes dessas escolas.

Confesso que não entendo muito bem este tipo nacionalização. Entendo isso sim que deveriam ser garantidos aos alunos o ingresso no ensino público e respectivas equivalências, e aquelas escolas, enquanto empresas vocacionadas para o lucro, pura e simplesmente encerradas.

Dir-me-ão que muitos dos cursos ali ministrados não encontram homólogos no ensino público. Ora aí está um problema gerado por essas escolas que criam cursos por dá cá aquela palha, baseados exclusiva-mente na ideia do lucro fácil.

Os exemplos desses "cursos" abundam por aí, embora o mal também esteja em que os oficializa.

É tempo pois de limpar o ensino de alguns destes parasitas. Se há áreas que têm que estar a salvo da mera perspectiva do lucro e das suas contingências, a educação é seguramente uma delas. Quando para piorar a situação se metem em negócios obscuros e na especulação o desastre é inevitável, veja-se os casos da universidade Moderna e da Independente...

19 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D